• Clínica La Posture

Saiba como a psicologia pode ajudar na dor crônica


La Posture: Tati, aqui na Clínica temos observado que as pessoas têm retornado e se queixado mais de dores no corpo e de cabeça. Sabemos que muitas ficaram sedentárias e que estamos num contexto que predispõe a mais ansiedade. As emoções negativas podem impactar na saúde de um ponto de vista físico? Tatiana Ichitani: Eu diria que todas as emoções são importantes e necessárias para a nossa sobrevivência. Todas elas causam um efeito fisiológico. Quando recebemos uma notícia boa, há uma descarga de vários hormônios da felicidade (por exemplo: endorfina, dopamina, serotonina ou ocitocina). No caso da ansiedade e medo, por exemplo, há predomínio de hormônios como adrenalina, noradrenalina e cortisol, que preparam a pessoa para lutar ou fugir de alguma situação. Não são hormônios ruins, pois nós precisamos deles para atuar em situações de emergência, por exemplo. O problema é quando ele se torna crônico e nosso corpo entende que precisamos “lutar ou fugir” o tempo todo. Isso pode causar um impacto na saúde da pessoa, um desequilíbrio, e afeta geralmente os órgãos mais sensíveis de cada um (cabeça, estômago, coluna, coração, intestino etc.).


" Nós somos uma coisa só, mente e corpo trabalham juntos, por isso, nesses casos, a atividade física pode ajudar muito na diminuição desses sintomas, por causa da produção de hormônios que causam bem-estar. Além disso, o apoio psicológico pode ajudar no suporte dessa fase difícil, acolher e mudar as sinapses cerebrais alterando o estado de humor "

La Posture: Sabemos que quem possui dor crônica tem aspectos e perfis emocionais que interferem diretamente na qualidade de vida. Como a psicologia poderia agregar com a fisioterapia a ajudar a essas pessoas? Tatiana Ichitani: Pessoas com doenças crônicas aprendem a lidar com a dor e muitas vezes passam a se acostumar com isso como se o sofrimento fizesse parte da vida. Geralmente, existe um sofrimento interno negligenciado que afetam a autoestima e a sociabilidade. A psicologia pode trabalhar no sentido de ajudar o paciente a ressignificar a doença, dando um novo sentido a ela, e encontrando um novo modo de viver.

La Posture: A ajuda psicológica é indicada para qualquer pessoa em qualquer idade? Qual a dica para encontrar em profissional de qualidade? Tatiana Ichitani: Sim, a ajuda psicológica é indicada para qualquer pessoa e qualquer idade. Para encontrar um profissional de qualidade, o ideal é ter alguma referência, verificar a experiência e o foco de atuação do profissional. Mas, o principal de tudo, é sentir-se bem com o profissional, ser acolhido e perceber muita empatia nessa relação, pois é por meio disso que a transformação acontecerá.

Dra. Tatiane Ichitani @psi.tatianeichitani- Psicóloga Clínica - Relações familiares - Perinatalidade e Parentalidade Neurocompatível - Terapia Assistida por Animais - Ms. e Dra. PUC-SP

UNIDADE IPIRANGA

Rua Correia Salgado,97 - São Paulo/SP

(a 600m do metrô Alto do Ipiranga)

Pilates, Personal, Yoga,

Fisioterapia & Nutrição

UNIDADE SANTA CRUZ 

Rua Santa Cruz, 2251 - São Paulo/SP

(a 500m do metrô Alto do Ipiranga)

Pilates

AGENDE O SEU HORÁRIO

(Necessário agendamento prévio)

©2020 by Clínica La Posture. RE 10869 - RE 1107074