• Clínica La Posture

Ipiranga Feelings




La Posture: Bruna, seu instagram é referência para nós, ipiranguistas. Conte para a gente como e quando começou sua relação com o Ipiranga e o seu instagram.

Bruna: Minha relação do Ipiranga não é aquela coisa familiar, de geração em geração. Como muitos paulistas, eu visitava o museu e depois ia no famoso hambúrguer do Seu Oswaldo. Mas só vim morar aqui em 2014. E aí fui me apaixonando a cada dia...acho que não ser propriamente do bairro me trouxe esse olhar mais carinhoso e cuidadoso, porque as coisas daqui não eram rotina pra mim.  Tive a sorte de ter vizinhos incríveis, que me acolheram. Eu parava meu trabalho por volta das 16 horas pra ir na minha vizinha, uma senhora 70+, tomar café da tarde! Em que outro planeta isso acontece se não no Ipiranga? rs  Enfim, com esse encantamento todo, em meados de 2016 resolvi criar o insta para compartilhar meu cotidiano, descobertas e causos. Postava muito pouco, na verdade. Aí em 2018 fiquei mais conectada nisso e agora somos mais de 8 mil vizinhos compartilhando histórias! :)  E ah! Tem o site também, com conteúdo mais aprofundado: www.ipirangafeelings.com.br


La Posture: O instagram @ipirangafeelings cria um senso de comunidade e pertencimento muito bom para valorizarmos o bairro. Explica para a gente qual o legado você gostaria de deixar através dos conteúdos?


Bruna: Acho que o principal legado é o que está escrito nas placas de linha de trem e que eu passei a levar pra vida: “Pare. Olhe. Escute”. A gente tem que se apegar aos pequenos detalhes, sabe...às pessoas que nos rodeiam. Ter tempo pra elas e também para nós mesmos.  É meio clichê, mas é tão valioso e cada vez mais urgente apreciar as pequenas coisas da vida. Todo mundo sabe, mas são poucos os que colocam em prática. Nesses anos de página recebi muitos relatos, de pessoas que estavam aqui há décadas e não conheciam o bairro como eu. 

Quero que as pessoas vivam o bairro e não apenas durmam nele. Temos tudo aqui...eu não costumo sair do Ipiranga pra fazer as coisas ou ter novas experiências, embora seja bom de vez em quando, né! Mas antes é importante conhecer o que temos aqui pertinho e, especialmente, bater papo com os antigos moradores. É por causa deles que a “província”, como eu chamo, ainda tem esse jeitinho peculiar. Só assim a gente também vai lutar pelo o que temos e pela preservação do nosso patrimônio.   Deixa o carro quietinho na garagem e bora explorar!  La Posture: Como as pessoas podem colaborar com suas redes em conteúdos, divulgação ou publicidade?

Bruna: Meu perfil nunca foi e provavelmente nunca será algo comercial. Com a procura de empresas/marcas, acabei criando métodos e formas de vender conteúdo e não exatamente um anúncio publicitário, até porque isso não combina com o perfil. Como sou formada e trabalho em comunicação, já tenho bastante experiência nisso.  Então o que eu faço é analisar se, como, quando e onde a empresa se encaixaria na página. E aí envolve muita pesquisa e estratégia para criarmos algo em conjunto que valha a pena tanto para o público que acessa o perfil quanto para o anunciante. E sempre sendo transparente, informando as pessoas do conteúdo pago.  E como o perfil não é meu ganha-pão, não consigo ainda remunerar colaboradores. Então a única maneira que encontrei de receber esse conteúdo colaborativo é pela hashtag #ipirangafeelings e algumas pessoas optam por me enviar fotos via mensagem privada também. Mas as portas estão sempre abertas para quem quiser contar histórias ou mostrar algo bacana! Estamos em constante aprendizado e construção. Quem sabe um dia a gente forme uma equipe cheia de diversidade e vizinhas afiadas em boas descobertas!

UNIDADE IPIRANGA

Rua Correia Salgado,97 - São Paulo/SP

(a 600m do metrô Alto do Ipiranga)

Pilates, Personal, Yoga,

Fisioterapia & Nutrição

UNIDADE SANTA CRUZ 

Rua Santa Cruz, 2251 - São Paulo/SP

(a 500m do metrô Alto do Ipiranga)

Pilates

AGENDE O SEU HORÁRIO

(Necessário agendamento prévio)

©2020 by Clínica La Posture. RE 10869